A mulher moderna

“Nós estamos aqui por causa delas e nada mais justo do que dedicar meu trabalho ao bem-estar e à saúde das mulheres.”

Dr. Elsimar Coutinho

– Cólica Menstrual

A dismenorréia ou cólica menstrual é um dos principais tormentos femininos e consiste em contrações irregulares e prolongadas da musculatura uterina e consequentemente dores intensas na região. Sintoma que acompanha a menstruação, a cólica pode variar de intensidade de uma mulher para outra e afeta 50% das mulheres em idade fértil. Pode surgir nas primeiras menstruações ou, em alguns casos, anos depois da chegada da menstruação e por motivos diversos, como alterações nos ovários, alterações no útero, endometriose, hímen sem orifício para sair a menstruação, uso de DIU, miomas, malformações uterinas ou doença inflamatória pélvica.

Nos casos mais graves, o quadro pode ser acompanhado de náusea, sudorese, diarréia, tontura e perda de consciência. Existem ainda dois tipos de dismenorréia, a espasmódica, que aparece no primeiro dia de sangramento menstrual e desaparece para logo voltar com igual intensidade, e a congestiva, que aparece como uma dor que começa antes do sangramento aparecer. A primeira é comum em mulheres jovens e a segunda em mulheres mais velhas.

A cólica menstrual é a grande vilã dos motivos que fazem as mulheres se afastar das atividades, faltas no trabalho,perda do rendimento nos estudos, além de indisposição para a realização de tarefas comuns ao dia-a-dia feminino. Por conta disso, os tratamentos são bastante procurados. Você pode saber mais sobre eles no tópico "Supressão da Menstruação".