A mulher moderna

“Nós estamos aqui por causa delas e nada mais justo do que dedicar meu trabalho ao bem-estar e à saúde das mulheres.”

Dr. Elsimar Coutinho

Menopausa

A menopausa é a última menstruação da mulher e acontece entre os 40 e 60 anos. O período em que ocorre a transição da fase reprodutiva (fértil) para a fase não reprodutiva é conhecido como Climatério. Essa transição ocorre porque o organismo feminino (os ovários) pára de produzir hormônios sexuais conhecidos como progesterona e estrogênio (estradiol). A menopausa, portanto, é a responsável por delimitar as duas fases do climatério: o climatério pré-menopausa e o pós-menopausa.

A diminuição desses hormônios causa efeitos em várias partes do corpo. Esses sinais e sintomas são conhecidos como síndrome climatérica ou menopausal. Entre os principais sintomas estão ondas de calor, secura vaginal, dificuldade e desconforto nas relações sexuais, diminuição da libido, aumento do risco cardiovascular, aumento da predisposição a obesidade, aumento dos riscos de câncer, osteoporose, ressecamento e flacidez da pele, dentre outros.

Aspectos emocionais - Na menopausa as mulheres não têm que aprender a lidar somente com as aflições do corpo. Nessa fase sofrem também com as aflições emocionais. Essas aflições são fruto dos efeitos da própria menopausa, entre eles, alterações do humor, ansiedade, depressão, fadiga, irritabilidade, perda de memória e insônia. Mas, além disso, ainda são afetadas pela queda da auto estima que esses efeitos provocam.

Para agravar ainda mais esses problemas emocionais, a mudança das características físicas da mulher é também muito frequente nesse período. As mulheres perdem as características femininas, com o estreitamento dos quadris, a diminuição do bumbum e dos seios, o crescimento de pêlos no corpo e engrossamento da voz. Esse é um processo conhecido como masculinização da mulher, já que as taxas de hormônios femininos diminuem.

Com todos esses processos de mudanças, as mulheres tendem a se sentir menos atraentes, menos competitivas em relação a outras mulheres tanto no campo amoroso e sexual, quanto no campo profissional. Esses sentimentos são responsáveis por inúmeros casos de depressão entre essas mulheres menopausadas.

Por conta de todos esses efeitos negativos na vida da mulher, a menopausa é um dos principais alvos da medicina, no que diz respeito ao desenvolvimento de tratamentos para combater os seus sintomas. Maiores detalhes sobre os tratamentos você pode conferir nó tópico "Reposição Hormonal".